5 motivos para tornar a nuvem parceira do seu negócio

Com o crescimento de ciberataques, a demanda por computação de ponta e convergência IT/OT, as empresas encontram uma possibilidade mais segura, prática e eficiente para garantir a otimização de processos e proteção de dados. A chave para isso é a nuvem (cloud computing

A computação em nuvem tem sido discutida como uma das maiores revelações no mundo da Tecnologia da Informação (TI). Essa ferramenta permite que empresas transitem parte da operação do negócio para computadores – servidores – terceiros, o que adiciona mais mobilidade, flexibilidade e economia para a empresa. 

Com a nuvem é possível otimizar as tarefas e realizar a portabilidade de arquivos, o que faz a colaboração no trabalho aumentar. Além disso, há um dos maiores benefícios do cloud, que é a garantia da segurança de dados importantes do negócio. 

Por isso, fizemos uma lista dos 5 principais motivos para tornar a nuvem uma parceira de sua empresa: 

  1. Flexibilidade 

Com a nuvem, os consumidores têm flexibilidade para aumentar ou diminuir os espaços e capacidades de CPU, disco, memória ou banda presentes no servidor contratado. Essas modificações dependem da demanda que o negócio irá exigir em determinado momento. Por meio da nuvem é possível corrigir o armazenamento e o processamento da mesma de maneira simples. 

A funcionalidade dessa ferramenta é ideal para empresas com demandas sazonais como, por exemplo, os e-commerces. Esse tipo de negócio tem alta procura por produtos durante os meses de novembro e dezembro, em decorrência da Black Friday e do Natal. Porém, no restante do ano, a demanda é menor e o cloud garante mais eficiência nestes momentos de picos de acessos e de vendas. 

Por isso, a nuvem pode ser o diferencial de uma empresa para se tornar inovadora. Independentemente de ser uma empresa de grande ou pequeno porte, a computação em nuvem é a melhor opção para apoiar as suas necessidades em relação às demandas de processamento e espaço. 

  1. Segurança 

A segurança é um dos principais pontos de discussão na escolha de ferramentas de armazenamento de dados. Isso se dá pelo fato de as empresas considerarem um grande risco ter informações importantes fora dos seus domínios físicos. Porém, servidores remotos têm chances mínimas de perda de dados, o que os torna grandes aliados na busca por segurança. 

Na nuvem, os provedores seguem altos padrões de logística e segurança física. Além disso, há profissionais especializados no assunto para garantir o sucesso da ferramenta.  

Outro ponto positivo do cloud são os backups rápidos e simplificados. Com sistemas online, as cópias de segurança são realizadas rapidamente e sem a necessidade de mobilizar uma equipe inteira, como acontece quando são feitos nos servidores instalados na própria empresa e requerem discos físicos para armazenar os dados.  

Além disso, não é só essa ação que se torna mais prática, o acesso às informações na nuvem também. Isso acontece, principalmente, por conta das autorizações de segurança. Ou seja, para acessar qualquer dado é necessário que a pessoa em questão tenha permissão para acessá-lo. Dessa forma, o acesso se torna mais simples ao mesmo tempo em que aumenta a segurança das informações.  

  1. Controle de gastos  

Os cálculos de despesas de operação de TI e custos com manutenção e outros serviços, podem ser facilmente obtidos por meio de interfaces de provedores contratados. O problema é que alguns deles cobram em dólar pelo o serviço, o que torna o custo maior em relação às cobranças na moeda brasileira. 

Por isso, é tão importante manter o controle dos gastos atualizado. Ter uma plataforma na nuvem permite um controle total dos custos para a empresa, justamente por conta da flexibilidade que falamos anteriormente. Isso se dá pelo fato de ser possível fazer upgrade e downgrade de forma simples, pagando apenas pelo espaço utilizado. Logo, o desperdício de recursos e outras surpresas indesejáveis diminuem drasticamente. 

  1. Negócio mais focado 

Com a utilização da nuvem, os gestores e a equipe de TI não precisam mais se preocupar com assuntos ligados ao backup, à atualização de software, à segurança contra ataques, entre outros.  

Dessa forma, o foco fica cada vez mais voltado para o negócio e, não. para os processos operacionais e de infraestrutura. Ou seja, os funcionários da empresa podem se ocupar com outras atividades e otimizar o seu tempo em demandas que necessitam mais de sua atenção. Logo, as chances de sucesso aumentam. 

  1. Performance 

A performance é um dos principais motivos para se apostar na nuvem. Se o desempenho da ferramenta não agrada às pessoas, não há o porquê de apostar na mesma.  

Para uma boa performance é preciso deixar os servidores alinhados e conversando entre si. O primeiro ponto a ser observado com atenção é o servidor virtual, configurado para suportar a capacidade de processamento e armazenamento que as informações exigem. O segundo são as aplicações adaptadas ou construídas junto com a otimização para o bom funcionamento da nuvem. 

Por isso, muitas empresas escolhem modelos de TI híbridos para aproveitar todos os serviços da melhor forma possível. Dessa maneira, a implementação de servidores remotos se torna mais simples. 

Assim, com todos esses benefícios, o seu negócio se torna mais assertivo, rápido e seguro. Para aplicar o sistema de cloud, a ONCLICK oferece uma consultoria completa, bem como é especialista na ferramenta para ajudar a sua empresa a colher resultados cada vez mais promissores. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.