5 passos para otimizar o seu estoque

Você sabe o que é controle de estoque e como otimizá-lo? 

controle do estoque é a coordenação e supervisão do fornecimento, armazenamento, distribuição e registro de materiais, seja de produtos ou de serviços. Por meio dele, mantêm-se as quantidades indicadas para atender às necessidades dos clientes. 

De forma resumida, é o registro e controle de tudo o que entra e sai da empresa. É válido ressaltar que são aplicados todos os itens que o negócio detém – desde as matérias-primas até o produto final

Este controle de estoque não é uma tarefa simples e requer muita atenção e tempo de quem administra essa área na empresa. Por isso, é essencial ter ferramentas e estratégias bem definidas que possam auxiliar os times a otimizar o tempo e até mesmo automatizar alguns dos processos. 

Com isso em mente, listamos 5 passos para você adotar e otimizar o controle do estoque

  1. Levantamento de insumos e recursos 

Sem saber com o que estamos lidando, é difícil criar uma estratégia de controle. Por isso, o primeiro passo é um levantamento detalhado dos insumos e recursos que são de primeira necessidade para a empresa. A partir dessas informações, você consegue dar o pontapé inicial para a produção das mercadorias de seu negócio.  

Ao entender a utilidade desses dados e de sua organização, a empresa poderá reduzir a quantidade de processos burocráticos e redundantes. Ou seja, essa é uma forma de agilizar os fluxos internos e adicionar maior visibilidade.  

  1. Use PEPS no controle de estoques 

Conhecida como ‘Primeiro a Entrar, Primeiro a Sair’, o processo estabelece uma sequência lógica das movimentações que podem ocorrer no estoque. Isso acontece independentemente de ser uma matéria-prima ou o produto final. 

Há, também, empresas que produzem suas mercadorias, mas não as comercializa. Ou seja, cria a necessidade de centros de armazenamento e distribuição, o que exige controle por meio dessa ferramenta. 

A PEPS nada mais é do que determinar a entrega do primeiro lote, por exemplo, de livros ao centro de distribuição, para que seja entregue ao cliente de maneira rápida e sem desperdícios. Essa técnica é fundamental, principalmente, para alimentos perecíveis que precisam chegar ao destino final o quanto antes. 

  1. Distribuição e roteirização de produtos 

Diferente do que muitos pensam, a distribuição e entrega de produtos não se resume apenas ao envio aos consumidores. Isso é, para chegar na entrega final de mercadorias, é necessário estudar e entender tecnologias e ferramentas que criem uma distribuição mais eficiente. 

Por exemplo, há sistemas de roteirização que auxiliam na organização e controle desse processo. E isso é feito por meio de análises que definem o melhor itinerário, a fim de aperfeiçoar as entregas. Assim como levam em consideração os pedidos realizados, custo operacional, combustível gasto e o transporte disponível.  

Ao traçar rotas organizadas, as quais diminuem as distâncias percorridas, consequentemente, reduz-se os outros pontos citados como, por exemplo, tempo e o combustível dispensado.  

  1. Use os fornecedores a seu favor 

Os fornecedores podem ter um grande impacto nas empresas. Por isso, é imprescindível nutrir um bom relacionamento com os mesmos. Por meio de um contato contínuo, é possível que as empresas consigam trabalhar de forma mais alinhada. Ou seja, há maior facilidade na hora em que seja necessário achar soluções para os problemas. 

Entretanto, é importante manter o monitoramento e o compliance permanente dos fornecedores. Assim, não há problemas no que diz respeito à governança. 

  1. Integração dos setores da empresa 

Os processos de logística são apenas uma das etapas que a empresa precisa ficar de olho, pois afeta o sucesso do negócio. São diferentes setores que influenciam no dia a dia de uma empresa. Logo, eles precisam trabalhar em conjunto para que haja resultados positivos. 

Por exemplo, o setor financeiro e de gestão trabalham de maneira próxima. Pode ser uma boa ideia integrá-los e criar um objetivo em comum para esses departamentos. 

Se você chegou até o fim desse texto, pode entender a importância do controle do estoque. Além disso, pode ver alguns passos que podem te ajudar a melhorar a organização do estoque de sua empresa. Nós, da ONCLICK, desenvolvemos um sistema completo de gestão para auxiliar o seu negócio, incluindo a gestão integrada do estoque.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *