Gestão de produção: como ser eficiente no controle e planejamento

A gestão de produção realmente não é uma tarefa fácil. Isso porque é necessário pensar em diferentes fatores e no andamento de diversos processos. São muitos detalhes que precisam ser acompanhados de perto, decisões a tomar e definições de áreas que devem ser supervisionadas. Por isso, é necessário adotar boas práticas no cotidiano com o intuito de manter uma boa administração industrial.

Você está interessado em saber mais sobre o assunto? Neste post forneceremos dicas que ajudarão a sua empresa a ser eficiente no controle e no planejamento produtivo. Também explicaremos como você pode aplicar cada uma delas na prática. Acompanhe a seguir.

Conheça bem a indústria

Sem dúvida alguma, o primeiro passo para uma boa gestão é conhecer detalhadamente a empresa. Afinal de contas, sem esse conhecimento fica complicado conhecer as necessidades dela, o que dificulta também o relacionamento com o público interno (funcionários) e externo (fornecedores e clientes da organização). Além disso, é importante entender como funciona cada departamento e os processos produtivos.

Nesse momento você pode fazer um levantamento de todos os procedimentos cotidianos da companhia. Observe quais são as matérias-primas utilizadas em cada tarefa, as funções atribuídas a cada departamento e quais são os produtos ou serviços oferecidos pela organização.

Essa tarefa fica mais fácil quando os administradores contam com um software de gestão, pois ele centraliza todas as informações da empresa. Por meio dessa ferramenta, é possível ter acesso a dados relevantes sobre os processos produtivos, o estoque, a área de marketing, finanças e recursos humanos etc. A plataforma ainda ajuda a monitorar os resultados e, por meio da análise deles, você poderá identificar os erros e propor soluções para resolvê-los.

Também é muito importante ter funcionários bem preparados e bons líderes. As lideranças são importantes para estimularem os empregados a produzirem mais. Nesse momento é fundamental compreender as características de cada um e saber usar isso a favor do desenvolvimento da indústria.

Faça um bom controle de estoque

Esse é outro aspecto muito importante no processo da gestão de produção. Nesse momento é importante verificar como está a demanda. Verifique se é preciso fazer novas compras ou se os estoques estão cheios. Observe também se há necessidade de acelerar os procedimentos produtivos ou reduzi-los.

Isso ajuda a evitar falhas, desperdícios e gastos desnecessários. Caso o controle de estoque não seja bem-feito, a indústria pode sofrer sérios prejuízos financeiros. Isso porque a empresa gastará além de sua necessidade e não terá uma receita proporcional ao investimento feito em mercadorias ou matéria-prima.

Entenda as demandas do mercado

O entendimento das necessidades mercadológicas ajuda justamente a gerenciar o estoque. Os gestores que conseguem enxergar isso podem focar nas aquisições dos produtos mais vendidos ou que apresentam uma maior demanda. Dessa maneira, os itens mais comercializados não estarão em falta.

Além dessa questão, entender o comportamento do mercado ajuda muito no desenvolvimento das estratégias de marketing. Várias ações podem ser desenvolvidas com a intenção de conquistar novos clientes. Entre elas estão o desenvolvimento de promoções, o lançamento de novos produtos ou serviços, entre outras questões.

Utilize dados de períodos anteriores para se planejar

Essa dica é extremamente importante, pois os produtos podem ter um desempenho diferente no que diz respeito às vendas. Algumas mercadorias apresentam um fluxo constante durante todo o ano e outros produtos podem ser mais comercializados em épocas específicas, como Natal, Dia das Mães, Dia das Crianças etc.

Esse conhecimento proporcionará que você planeje o estoque com antecedência para as diferentes necessidades que podem aparecer durante o ano. Com esses dados, as chances de a sua indústria adquirir os produtos além da necessidade ou abaixo do necessário são diminuídas.

Ambos os casos não são bem-vindos, pois podem gerar prejuízos financeiros. A primeira situação se deve ao fato de o estoque ficar parado e a segunda acontece porque a empresa perde oportunidades de venda.

Conte com as ferramentas certas

De nada adiantará todos os esforços em planejamento, marketing e vendas se a organização não contar com as ferramentas certas para o negócio. É fundamental que elas atendam às necessidades do seu empreendimento. Vale muito a pena também investir em novas tecnologias e processos inovadores, pois eles farão a sua companhia se destacar e se diferenciar no mercado.

Preocupe-se também com a qualidade dos materiais. Caso eles estejam ruins, há a possibilidade de que apresentem uma série de defeitos ou problemas operacionais que podem levar até a paralisação dos trabalhos, atrapalhando todo o processo produtivo. Para piorar, a empresa ainda terá que arcar constantemente com o conserto desses equipamentos. Realmente ninguém deseja isso, não é mesmo?

A melhor forma de lidar com essa situação é escolher produtos que atendam às necessidades da sua organização e procurar por empresas que sejam especialistas no assunto e que já estão há muito tempo no mercado.

Monitore os resultados

Não há dúvidas de que o monitoramento de resultados é um dos principais segredos das empresas de sucesso. Isso porque as métricas indicam como está o desempenho das organizações em diferentes setores.

Por isso, é imprescindível que o acompanhamento seja feito de maneira constante. Essa prática ajuda a determinar as áreas que estão alcançando o resultado desejado e a verificar os setores que estão com desempenho negativo. Em relação aos pontos fracos, é possível pensar em ações com o intuito de resolver os gargalos na companhia.

Nesse momento, você pode selecionar algumas métricas e monitorá-las. Leve em consideração a área de atuação da empresa, a mercadoria que é produzida e o público no momento da escolha. Essa prática ajuda a identificar os erros que são cometidos no processo para que, a partir disso, você possa corrigi-los.

A gestão de produção não é uma tarefa fácil, porém é um procedimento muito importante nas empresas. Isso porque essa prática ajuda a identificar os pontos fortes e as questões de melhoria da Indústria, auxilia no planejamento da companhia e facilita o entendimento das demandas do mercado.

Agora que você já sabe como funciona a gestão de produção, confira os sinais que indicam a necessidade de a empresa ter um sistema de gestão. Ele ajudará justamente na tarefa de acompanhar as atividades cotidianas da companhia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *