UX e UI: entenda as diferenças e qual a importância no e-commerce

O mercado de e-commerce é um dos mais promissores do país, pois é crescente a quantidade de compras realizadas virtualmente. Analisar, pesquisar e comprar produtos tornou-se muito mais fácil, prático e dinâmico nas lojas virtuais. Todo esse cenário também revela como o e-commerce pode ser uma excelente oportunidade de investir no mercado digital e tirar a ideia empreendedora do papel. Nesse contexto, usar UX e UI faz toda a diferença!

Você sabe o que é User Experience (UX) e User Interface (UI)? Ao longo deste material, você vai conhecer tudo sobre esse assunto e compreender as diferenças entre esses conceitos. Vai perder a oportunidade de ampliar os seus conhecimentos? Então, continue a leitura!

O que é User Experience (UX) ?

Em primeiro lugar, é preciso entender o que esse conceito representa. UX diz respeito à experiência do usuário, em tradução literal — tudo aquilo que um cliente sente e passa ao navegar em um website está incorporado nesse conceito. Ou seja, a fluidez, layout, velocidade de carregamento e demais fatores são pontos analisados pela User Experience.

Existem diversas etapas envolvidas na compra de um produto online. Inicialmente, o cliente em potencial é fisgado por uma promoção ou anúncio que aparece na sua tela. Após, ele clica no banner e é redirecionado para o e-commerce em questão. É exatamente nesse ponto que a UX faz toda a diferença, pois o conjunto de interfaces e a experiência propriamente dita vão demonstrar aspectos importantes ao cliente.

Afinal, imagine um site desorganizado, com páginas que demoram a carregar e com imagens desformatadas. É provável que o consumidor tenha uma péssima visão da empresa, não é verdade?

A UX é fundamental para que a retenção de clientes na base do seu e-commerce seja efetiva. Assim, fica muito mais fácil ter um diferencial competitivo e uma visão direcionada para o cliente. Evitar gerar confusões aos usuários e ter um site focado na organização tende a gerar muitos benefícios no curto e longo prazo. Pense nisso!

O que é UI?

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o que é User Experience, vamos falar de User Interface (UI). Em primeiro lugar, a definição revela que esse conceito é relacionado com o desenvolvimento da área de Design. Isso é feito por meio da criação, elaboração e planejamento da interface do controle feito pela pessoa e um software ou site.

Dessa forma, a interação e a execução de ordens de controle são realizadas por meio de botões, menus ou qualquer outro elemento. Essa definição já revela que a área de UI envolve a correlação com diversas áreas e disciplinas para a criação da interface.

É possível correlacionar com exemplos práticos para entender o que é UI. Por exemplo, imagine um controle de televisão. Esse equipamento é o responsável por realizar a ligação entre o aparelho de TV e as ordens enviadas pelo usuário. Dentro disso, podemos aumentar o volume, sintonizar um novo canal ou alterar as configurações do aparelho. Essa interação é um excelente exemplo de como a UI possibilita interagir com interfaces diferentes.

Um bom projeto de interface do usuário faz toda a diferença na hora de antecipar as intenções e necessidades que o cliente ou usuário tem. A simplicidade, a otimização e a facilidade no uso são fatores fundamentais para a criação de um bom projeto de UI.

Qual a importância de UX e UI para a compra e venda?

Ao entrar em uma loja física, quais os tópicos que mais chamam a sua atenção e garantem que você retorne ao estabelecimento? É muito provável que um atendimento cordial e eficiente, bons produtos e layout agradável sejam fatores importantíssimos na sua análise. Isso também vale para um e-commerce, você sabia?

A UX e UI garantem que toda a operacionalização do site, bem como sua experiência de compra, resultem em maiores conversões e retorno do cliente ao e-commerce. Tudo isso revela que ambas são fatores com muito impacto para o sucesso e geração da receita recorrente de um e-commerce.

Atualmente, o foco das lojas online deve ser no principal ativo que transita nos sites: os clientes em potencial. Aumentar a retenção e criar estratégias para efetivar as compras garantem um crescimento contínuo ao longo do tempo. Afinal, os clientes são a engrenagem propulsora do crescimento de qualquer negócio, seja no mundo físico, seja no online.

Quais as diferenças entre UI e UX?

A diferença principal entre ambas está exatamente no papel que cada uma exerce no projeto. Isso quer dizer que, apesar de eles terem semelhanças nos termos, são muito diferentes nos seus significados.

UI é relacionada com a camada física do e-commerce, ou seja, a parte mais prática de todo o projeto. A interface é o campo que pode ser editado e otimizado e que sofre alterações para a melhoria da operacionalização. Além disso, ela é altamente correlacionada com a experiência do usuário, já que uma boa interface tem um amplo peso na geração de uma navegação eficiente, prática e intuitiva.

Para facilitar o entendimento, toda a área de criação de botões, menus, layouts e logotipos está ligado à UI. Já a UX foca no estudo e planejamento de como o usuário vai se sentir ao navegar pela interface do site. É por isso que citamos logo acima que a UI é a parte mais tangível dentre as duas, pois a UX é centrada em análises e pesquisas.

Em vez de focar em designs e localização de botões, a UX centra-se em compreender como serão as experiências, desafios e emoções que o cliente pode sentir ao estar no site. Tudo isso demonstra como ambos os fatores são interligados e precisam estar alinhados para a garantia de um e-commerce de sucesso.

Ao longo do post, foi possível compreender como a UX e UI são estratégicas indispensáveis a quem pretende ter sucesso no mundo online. Todo e-commerce deve ter esses processos muito bem estruturados.

Para não perder mais detalhes e informações do blog sobre UI e UX, além de outros assuntos, assine nossa newsletter agora mesmo. Boas vendas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *