Estratégia de e-commerce: 7 dicas para aumentar seu ticket médio

Todo empreendedor online deseja duplicar (ou triplicar, por que não?) o valor médio de vendas em sua loja virtual, levando mais dinheiro para dentro do seu negócio. Entretanto, é necessário adotar uma estratégia de e-commerce bem delineada para conseguir isso, já que a competitividade é grande nesse segmento.

Nesse sentido, é fundamental mensurar os resultados por meio de um indicador de desempenho chamado ticket médio. Ele ajuda a compreender os números que refletem a saúde financeira do empreendimento e a direcionar ações para fidelizar clientes e planejar as vendas.

Confira, neste post, 7 dicas para elevar o ticket médio do seu e-commerce e, consequentemente, aumentar a sua lucratividade!

1. Diversifique o portfólio de produtos

As lojas que dispõem de um amplo portfólio oferecem um leque de escolhas muito maior ao seu público-alvo. Portanto, procure diversificar o catálogo, incluindo uma vasta variedade de produtos, novas categorias, marcas, e modelos.

Antes de disponibilizar o portfólio para visualização no e-commerce, identifique quais são os itens que vendem mais e quais as tendências no mercado, assim como aqueles que têm pouca aceitação dos consumidores. Dessa forma, sua diversificação será mais eficiente e seu cliente não precisará ir para a loja concorrente para adquirir mais mercadorias que possam satisfazer suas necessidades.

2. Ofereça frete grátis

Essa estratégia de e-commerce é uma das mais eficientes para aumentar o ticket médio das vendas e a taxa de conversão, já que o frete é um dos fatores que mais influenciam a decisão de compra do consumidor.

Quando o empreendedor oferece frete grátis em aquisições acima de um determinado valor, está estimulando e motivando o cliente a comprar mais produtos para ter acesso ao benefício. É evidente que a escolha do valor mínimo para a concessão depende da margem de lucro dos produtos.

É essencial divulgar seu frete grátis em todas as situações possíveis. Por isso, busque personalizar sua plataforma de vendas para que essa oferta apareça no carrinho de compras, bem próximo ao cálculo do frete. Esse gatilho mental incentiva o subconsciente do usuário a adquirir um pouco mais de mercadorias para não perder a vantagem de não pagar o frete.

3. Dê cupons de descontos

O famoso cupom de desconto é também uma medida eficaz. Na prática, os descontos acontecem de forma progressiva — ou seja, quanto mais o cliente comprar, maior será o seu desconto. Isso, então, o estimula a adquirir mais itens para aproveitar a promoção ao máximo.

Essa estratégia funciona tanto para produtos de saídas recorrentes quanto para produtos parados em estoque. Além disso, um consumidor que ganha um cupom de desconto para ser utilizado em uma próxima compra, por exemplo, tem grandes chances de voltar a negociar na mesma loja.

Contudo, é importante ter um planejamento adequado para oferecer este benefício de forma eficiente. Além disso, lembre-se de limitá-lo a uma porcentagem máxima e a um tempo de uso. Essas informações devem ficar bem claras aos consumidores para não haver mal-entendidos.

4. Crie programas de fidelidade

Para alcançar recorrência nas compras, é preciso criar programas de fidelização de clientes. Essa medida é fundamental, uma vez que conquistar um cliente é comprovadamente mais custoso do que o investimento para reter um já existente.

Consumidores cativados e satisfeitos, além de se tornarem compradores assíduos dos produtos de uma marca, tornam-se também os principais responsáveis por divulgá-la e recomendá-la para familiares, amigos, colegas de trabalho e outras pessoas de seu entorno.

Quanto maior o número de recomendações, maior a atração de novos clientes. Com isso, o e-commerce ganha visibilidade no mercado e um aumento expressivo das vendas e lucros.

5. Elabore kits de produtos

A oferta de kits de produtos é uma ação simples de ser aplicada e muito eficiente para aumentar, de forma significativa, o ticket médio das vendas. Essa medida ainda ajuda a movimentar o estoque, proporcionando uma venda mais rápida de produtos com pouca saída.

Também é uma maneira de deixar o consumidor mais satisfeito, já que ele ganha um desconto relevante ao realizar uma compra casada de um conjunto de mercadorias.

6. Ofereça produtos complementares

Outra dica eficaz é a recomendação de produtos que se relacionam entre si e satisfaçam necessidades complementares ao produto inicial, incentivando a pessoa a adquirir mais itens e ainda ficar mais satisfeita com um serviço completo.

Para tanto, realize uma análise das vendas e busque compreender os hábitos de compra dos clientes. Suponhamos que o seu negócio comercializa pacotes turísticos. Nesse caso, por exemplo, o seguro viagem também pode ser oferecido no fechamento da compra.

7. Realize o pós-venda

Assim como em outros modelos de negócios, o pós-venda no e-commerce é uma estratégia fundamental para fidelizar clientes, fazendo-os voltar à sua loja virtual para realizar novas aquisições.

Por isso, executar um bom processo de pós-venda, seja para saber se o cliente ficou satisfeito com o produto adquirido ou se teve algum problema durante sua experiência de compra, demonstra que sua empresa se importa. Isso o faz se sentir importante, o que aumenta a confiança em sua marca.

Busque manter o contato posteriormente à venda, enviando e-mails para saber como foi a sua experiência e encaminhando produtos em promoção, bem como itens complementares ao que ele já adquiriu no e-commerce.

Também é uma boa ideia mantê-lo informado sobre o que está acontecendo em sua empresa, apresentando novidades, itens em destaque, entre outros dados interessantes a ele. É isso aí: atraindo o interesse e a atenção do cliente, torna-se muito mais fácil persuadi-lo a comprar algo a mais para ele.

Como você pode perceber, o ticket médio é um indicador importante do sucesso do seu e-commerce. Para conseguir aumentá-lo, é crucial colocar as mãos na massa! Separe os dados de suas vendas, faça os cálculos de forma correta e defina a melhor estratégia de e-commerce para otimizar os seus resultados. Faça de tudo para entender o perfil do seu público-alvo e invista em uma variedade de produtos que o atraia para que você aumente o seu ticket médio automaticamente no processo.

Você curtiu o nosso post? Gostou das dicas apresentadas sobre como aumentar o ticket médio de seu e-commerce? Então aproveite e compartilhe este artigo em suas redes sociais agora mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *