Veja 6 técnicas eficazes para conquistar a fidelização de clientes

A fidelização de clientes é uma demanda crítica para os modelos de negócios. Não basta apenas fornecer produtos e serviços, a jornada de compra do consumidor envolve diversas tarefas até a conversão de uma visita em vendas. É preciso agir com estratégia e entender bem a lógica por trás de um funil de vendas. 

Ter clientes fiéis é um bom indicativo da continuidade do seu negócio. Para tanto, é relevante conhecer as melhores formas de pagamento online e se manter atualizado com as tendências da transformação digital. Além disso, contar com o apoio de especialistas pode ser uma opção valiosa para a sua empresa.

Ficou interessado no assunto? Então, confira agora o que é fidelização de clientes e as seis técnicas mais eficazes.

Como conquistar a fidelização de clientes?

A fidelização consiste em uma série de estratégias e técnicas para engajar clientes junto à marca. A ideia é criar vendedores naturais do seu negócio e, assim, melhorar o posicionamento de mercado. Funciona como o termômetro da probabilidade de um consumidor interagir com a sua empresa de forma espontânea e continuamente.

A fidelidade de um cliente não envolve apenas o volume de compras, mas também a imagem que a sua empresa representa para ele. Isso reforça a importância de um marketing de conteúdo bem estruturado e de acordo com as particularidades do negócio. Pois, vender uma ideia ou conceito é tão relevante quanto cativar os seus consumidores na busca dos produtos e serviços mais adequados.

1. Atendimento de qualidade

Essa é uma técnica básica, no entanto muitas empresas não dão a devida importância. O crescimento das redes sociais e dos sites de reclamações gerou mudanças no perfil de compra dos consumidores. Uma experiência ruim com um cliente pode gerar muitos desgastes para o negócio e até demandas judiciais. Mais do que entregar um produto, é preciso atender com qualidade, conforme as preferências do seu nicho de mercado.

Um atendimento de qualidade envolve conhecer bem as novidades do setor, como os marketplaces e dropshipping. Essa bagagem de conhecimento passa confiança e credibilidade aos seus clientes que se sentiram acolhidos pela marca. Portanto, foque os seus esforços não apenas na venda de um produto, mas também na jornada pós-compra do consumidor.

2. Diversificação dos canais de comunicação

Um cliente fidelizado é aquele que se sente acolhido e valorizado. Diante disso, é importante diversificar os seus canais de comunicação e utilizar a tecnologia ao seu favor: esse é o conceito do atendimento omnichannel. A ideia é facilitar o contato com os consumidores e se mostrar sempre disponível para atendê-los, diferenciando-se no mercado, principalmente, dos negócios que funcionam apenas nos horários comerciais.

A presença nas redes sociais como LinkedIn, Facebook e Instagram pode ser uma boa vantagem competitiva. Atendimentos via e-mail, chatbots, Skype e WhatsApp também são opções interessantes. Investir nos seus canais de comunicação é uma maneira de entender as reais necessidades dos clientes e atendê-las rapidamente. É tempo de mudança e o mercado já absorveu essa ideia.

3. Programas de fidelidade

Essa é uma estratégia mais complexa, porém com resultados pertinentes já no curto prazo. Assim, conte com o apoio de profissionais mais experientes e evite gastos ou riscos desnecessários. Os programas de fidelidade podem consolidar a imagem da sua marca no dia a dia dos clientes e diferenciar o seu negócio dos concorrentes diretos.

A fidelização de um consumidor exige várias etapas bem coordenadas e rastreáveis, reforçando a necessidade de uma boa gestão de produção para o controle e planejamento das rotinas do seu negócio. É preciso atuar com eficiência operacional e não deixar problemas internos se refletirem na entrega de serviços ao cliente, em especial, aquele já fidelizado.

4. Investimentos em pós-venda

O atendimento pós-venda tem um papel fundamental para consolidar a relação do público com a sua marca. Depois da entrega de um produto ou serviço, é importante pedir o feedback dos consumidores, realizar pesquisas de opinião e identificar os motivos daquelas vendas mais complicadas. O intuito aqui é evitar a recorrência de certos tipos de problemas e o desgaste de imagem do negócio.

Todo esse processo pode gerar informações relevantes para você utilizar posteriormente. Trata-se de aplicar a análise de dados para facilitar as tomadas de decisões. Estudar um pouco mais sobre os sistemas de gestão da qualidade é legal também, visto que enxergará os processos do seu negócio como um todo e entenderá como isso influencia a fidelização de novos clientes.

5. Oferecimento de experiências personalizadas

Um cliente fidelizado já foi conquistado pelos serviços e produtos da sua empresa. Representando um ativo muito valioso para o negócio, é fundamental conhecê-lo melhor, entender quais são as suas reais necessidades, problemas e expectativas. É preciso proporcionar experiências únicas e personalizadas aos seus consumidores e não apenas a venda de um item.

Esses esforços passam a ideia forte de profissionalismo e empatia, fazendo com que os clientes recorram à sua marca. Faça parte da rotina dos seus consumidores para que eles vejam a sua empresa como parceira e não mera fornecedora de produtos. Uma experiência de compra personalizada vai de encontro com os padrões de consumo e com as dores do seu cliente. Consiste em resolver problemas e agregar valor.

6. Uso de softwares de gestão

A movimentação de informações pelos modelos de negócios cresce cada vez mais, por isso não é uma prática efetiva gerenciar todos os dados em planilhas no Excel. É necessário utilizar a tecnologia como uma aliada e conhecer bem as funcionalidades que um software de gestão pode fornecer para a sua empresa. Trata-se de uma sistematização das rotinas de atendimento ao seu cliente.

O ERP, Enterprise Resource Planning, representa os sistemas de informações que integram as áreas do negócio, desde as mais internas até aquelas que lidam diretamente com o público. Os relatórios ajudam na gestão financeira da empresa por consolidar informações de compras, vendas, preferências e padrões de consumo, de forma rápida e organizada. Essa otimização profissionaliza suas rotinas e contribui para a fidelização de mais clientes.

Enfim, essas são as principais técnicas para você conquistar a fidelização de clientes. É relevante notar que o feedback dos consumidores pode gerar insights interessantes para os rumos do seu negócio e ainda evitar problemas futuros.

Gostou do nosso artigo? Então, leia também este post sobre tecnologia no atendimento ao cliente e as vantagens de usar um ERP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *